Notícias

PALAVRA DO ENGENHEIRO | SENGE: 75 ANOS NA DEFESA DA CATEGORIA

Coluna publicada pelo jornal Correio do Povo nessa segunda-feira (13) destaca os avanços conquistados pelo SENGE ao longo de seus 75 anos. “Em 2017, superamos a marca de 15 mil associados: 3.700 nos últimos três anos.” 

O trabalho intenso do SENGE para fortalecer e valorizar os profissionais de engenharia é o destaque da coluna Palavra do Engenheiro publicada pelo jornal Correio do Povo, de Porto Alegre, nessa segunda-feira (13). Na contramão de movimentos que buscam fragilizar os movimentos sindicais, o SENGE, em 2017, superou a marca de 15 mil associados, feito que comprova a relevância de um sindicato que se faz a cada dia mais presente na vida de seus representados – seja no interior do Estado, atuando a partir da mobilização dos Diretores Regionais e da presença da Diretoria Executiva nas cidades, seja no apoio às mobilizações dos colegas das empresas públicas, privadas e das prefeituras, participamos de dezenas de atividades acadêmicas e criamos benefícios específicos e regionalizados aos associados, como Planos de Saúde e convênios com assessorias jurídicas locais.

A intensificação dessas ações, especialmente nos últimos três anos, fez com que a entidade tivesse crescimento de pelo menos 25% no número de novos associados, fortalecendo a representatividade do SENGE. Além disso, o Sindicato marca sua posição de forma construtiva, buscando o diálogo e apontando caminhos viáveis ao aperfeiçoamento da gestão pública sob a ótica da Engenharia, bem como na defesa do desenvolvimento sustentável e das carreiras profissionais. "No plano municipal, estadual e federal, o SENGE vem acompanhando e participando das discussões sobre os pacotes de ajuste administrativo e fiscal do poder público, que acabam por atingir empresas públicas e profissionais da categoria", destaca o texto. 

Na coluna, o SENGE também convida para o 18º Seminário SENGE: “Agricultura e Desenvolvimento - Segurança Alimentar”. A atividade ocorre no dia 7 de dezembro, no Teatro do Prédio 40 da PUCRS, em Porto Alegre, e reunirá pesquisadores, representantes do governo estadual e federal e profissionais do segmento para debater e apresentar contribuições ao modelo de negócio do setor primário, visando alternativas que permitam o fortalecimento da agricultura familiar e do setor do agronegócio como pilares fundamentais da nossa economia. O seminário conta com o patrocínio do Banrisul e apoio do CREA/RS, CONFEA, FNE, BRDE e Fundação CEEE/SENGE Previdência. As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas, em breve, pelo portal senge.org.br.

Clique e leia a Palavra do Engenheiro na íntegra. 

Imprima esta página